Curso theory and practice on public enlightenment using multimedia
Período maio a agosto de 2007

Assim que retornei do Japão, quando  me solicitavam para relatar sobre a  experiência de ter estado lá, sentia uma grande  euforia e emoção. Interessante é que, neste  momento, após todo o tempo que se passou, os  sentimentos voltam à tona e é muito agradável  e gratificante poder falar novamente e contar  para vocês sobre isto.

O objetivo do treinamento foi promover  conhecimentos e habilidades nas técnicas  de produção de material multimídia. O  MTEC – Media Technology for Education  and Communication -, grupo de especialistas  em comunicação com conhecimento e  experiência em técnicas de produção, métodos  e estratégias para produção de diversas mídias,  vem realizando treinamentos em grupos na  área de multimídia no Centro Internacional de  Okinawa (OIC) desde 1985.

Este programa de  treinamento é uma das técnicas fundamentais  para auxílio aos países em desenvolvimento,  e agora, especificamente, possibilitou ao  Instituto Florestal da Secretaria do Meio  Ambiente do Estado de São Paulo, instituição  em que trabalho, aprimorar a qualidade  de apresentação dos diversos produtos  científicos, técnicos e educativos com melhor  aproveitamento dos recursos multimídia.

O treinamento em grupo foi muito  interessante e muito apropriado às exigências  de minhas responsabilidades no Instituto Florestal. Ampliou certamente meus  conhecimentos e habilidades na produção  dos materiais de divulgação multimídias  e, especialmente, no uso de softwares e  equipamentos mais atualizados.

Desde então venho aplicando e  aprimorando os conhecimentos recebidos,  o que pode ser observado nas diversas  atividades que venho executando. Sinto  que este treinamento foi um marco no meu  processo de aprendizado e no aperfeiçoamento  profissional e pessoal. Permitiu-me uma  visão ampla do planejamento de materiais na  área de comunicação, especificamente com  recursos multimídia, desde o planejamento até  a execução dos trabalhos.

Estas contribuições  foram fundamentais para minha atuação como  designer gráfico, na medida em que temos  preocupação com a qualidade, eficiência e  eficácia que garantam sucesso na divulgação  de diferentes tipos de materiais.  Posso afirmar que a educação, respeito,  disciplina e atenção aos visitantes são  notórios no Japão.

Tive oportunidade de  envolver-me em diferentes aspectos culturais:  participei da cerimônia do chá; apresentação  da dança chamada Eisa, no Tedako Festival  de Okinawa; pude degustar e apreciar sua  deliciosa culinária; visitei lojas de alta costura  de kimonos; aprendi sobre arranjos de flores  ikebanas; apreciei a fascinante arte milenar  japonesa visitando templos e castelos.

Enfim, além do prazer de experimentar  a diversidade cultural japonesa, essa vivência  enriqueceu muito a minha percepção do ponto  de vista de comunicação e organização visual.

Domo arigatô gozaimashita!